Dá-nos a tua opinião sobre o filme Amanhecer-Parte 1 AQUI.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Entre Rosas e Espinhos - 17º Capítulo


17º Capítulo

Quando estávamos em condições para ir voltamos para os nossos amigos e meu irmão que deve estar desesperado.

Bom,como esperado o ursão tenho que fazer alguma piadinha,porém Edward não deu ouvidos ao amigo e nem é preciso dar,afinal de contas o que vêem da boca do ursão não se escreve.

O resultado,acabamos indo numa lanchonete e acabei tendo o melhor final de semana da minha vida e não trocaria nem por uma tarde de compras ou uma bolsa da Prada.

Fomos a praia,andamos muito de moto e curtimos nosso final de semana como se fosse o ultimo.

Com muitos dos seus amigos e muitos deram em cima de mim,o que deixou Jacob transtornado na maioria das vezes,querendo dar porrada em todo mundo.

Fiquei amiga de Claire,Kim,Emily entre outras namoradas de seus amigos.

Mas para não dizer que não fiquei morrendo de ciúmes,me estressei com muitas das ex ficantes de Jake,que não estavam acreditando que ele estava namorando.

Leah pelo que Seth me contou foi parar no hospital,por que as lesões dela foram bem piores do que as minhas.

Bem feito para aquela vadia.

Mas entre mortos e feridos todos salvos.

Jacob voltou para o colégio antes de todos,afinal o seu plano de enganar a inspetora Victória tinha que dar certo,voltei para o colégio antes dos outros também,pois não consigo ficar muito tempo longe de Jacob.

Fiquei morrendo de saudades e quando o avistei me joguei em seus braços e o cretino ainda fica se gabando pela situação.

Só que acabei avistando Alec.

Isso mesmo Alec,meu quase ex namorado.

O cara que mais amei antes de Jacob e só não namorei com o cara por que não queria me prender.

Ele é super fofo e romântico e tal,porém não é o Jacob.

Ele estava num intercambio em outra escola em Nova York e não voltaria para se formar aqui,por isso fiquei sem graça com a situação.

Só que o meu amor,entendeu tudo errado e deu um ataque de ciúmes com a minha reação em ver Alec.

Não me deixando nem me explicar,o que tinha acontecido comigo.

Fiquei mal e comecei a chorar.

Como vou mostrar a ele que é ele que eu amo?

Só tem um jeito.

Fui para o meu quarto,tomei um bom banho e coloquei uma langeri bastante provocante,um espartilho preto transparente e rendado nos seios,com uma calcinha de renda preta.

Lembro de quando comprei isso,não tinha a mínima intenção de usar,só achei extremamente sexy e valoriza as minhas curvas.

Só que nunca pensei na minha vida em usar isso para alguém.

E muito menos para o meu namorado,gostosão,que deve estar morrendo de ciúmes de uma pessoa que não tem nada haver comigo.

Soltei meus cabelos,coloquei uma maquiagem leve,porém marcante.

Vesti um casaco que bate até o joelho,cobrindo todo o meu corpo e fui em direção ao quarto dele.

Fico de frente a porta com o coração na mão,abro o casaco e dou uma batida na porta.

Os segundos parecem que não passam ou estão se arrastando.

Estou com medo confesso,porém é melhor arriscar do que ficar nessa lenga,lenga.

Ele abre a porta e quando me avista só falta babar.

Bom a reação não poderia ser melhor,eu acho,pelo menos.

Seus olhos passeiam pelo meu corpo,me devorando com os olhos,me deixando ao mesmo tempo constrangida e super hesitada,somente com o olhar dele.

-Nessie.-Disse com um gemido.

Abri um pequeno sorriso e me jogo em seus braços e ele me recebe com um beijo voraz,me prendendo em seu corpo,como um vinculo inquebrável.

Tratou de tirar meu casaco me deixando apenas de espartilho e calcinha,suas mãos foram direto para a minha bunda e apertaram com vontade,roçando em sua ereção iminente,me deixando completamente,enlouquecidamente hesitada com aquilo.

Me carregando logo em seguida,chocando nossas intimidades de emitindo um gemido rouco de prazer.

Entrelaço os meus dedos em seus cabelos e o puxo para mais perto de mim,sinto que ele anda,mas não to nem ai para isso.

SE ELE QUISER ME LEVAR PARA O INFERNO AGORA MESMO,EU VOU DE BOM GRADO.

Jake separou nossos lábios e me jogou em sua cama,de forma brusca,me deixando completamente louca,ele retirou sua camisa e veio com tudo para cima de mim.

Suas mãos apertando minha coxa e me puxando para mais perto de dele,roçando nossos sexos a todo momento,me deixa completamente molhada e louca de desejo,para tê-lo só para mim.

Minhas mãos passeando em suas costas largas e seus músculos definidos,causando arrepios em seu corpo de deus grego.

Foi ai que senti ele me sentando e começando a abrir de uma forma completamente experiente o meu corselete e beijar o meu colo,sem dizer nenhuma palavra.

Quando estava semi nua bem na sua frente,Jake emitiu um sorriso e sussurrou algo completamente desconexo.

Depois tomou meu seio com a boca me fazendo delirara de prazer,suas mãos escorregaram para a minha intimidade e começaram a me estimular de uma forma enlouquecedora.

Comecei a beijar seu pescoço e indo até o ombro,meus gemidos estão cada vez mais altos e enlouquecedores.

Estou praticamente gritando.

Foi ai que senti ele me deitando novamente e descendo os lábios,distribuindo beijos em minha barriga e indo direto para a minha calcinha,sua mão saio do centro da minha intimidade e fui retirando a ultima peça do meu corpo.

Seus olhos negros brilham de desejo e amor,me devorando e memorizando cada pedacinho do meu corpo.

Recomeçou os beijos só que desta vez beijando a minha perna,indo direto para a minha intimidade,ofeguei quando o senti chupando a minha intimidade,de uma forma totalmente frenética.

Ele chupava e lambia,chupava e lambia,me deixando mais louca de desejo que já estava,como se isso fosse possível.

Meus gemidos foram transformados em gritos de prazer,senti o orgasmo me atingindo,porém Jake se afastou com um enorme sorrisos,se levantando e tirando a calça e a cueca de vez.

Me fazendo ofegar com seu pênis já totalmente ereto,isso não cabe em mim nem aqui e nem na China,ele pegou uma camisinha e a colocou,vindo em minha direção.

-Não vou te machucar,prometo.-Disse se encaixando entre as minhas pernas.

Sinto seu membro já em minha entrada e não consigo ter mais atenção de nada em minha volta.

O medo foi substituído por uma grande ansiedade de ser possuída,pelo homem que mais amo na vida.

Ele fica me observando de forma tão selvagem,que emito um gemido,sem ao menos perceber.

Foi então que seu membro começou a escorrer para dentro de mim,de uma forma extremamente e torturantemente lenta, me sinto como estive sendo rasgada,aperto os meus lábios com força e mordo o meu lábio inferior para não emitir um grito de dor.

-Não.-Disse parando.-Quero que me olhe.-Disse sério e ofegante.-Quero que saiba que é minha.-Seu tom é totalmente possessivo.-Somente minha.-Disse e eu abri meus olhos,encarando os dele,cheios de desejo,amor e paixão.

Recomeçou os movimentos e quando me completou pude sentir pulsar dentro de mim e quando isso ocorreu abriu um enorme sorriso,me puxando para um beijo avassalador.

E começou e vai e vem,gostoso e ao mesmo tempo extremamente doloroso,entrava e saia de mim lentamente,até que comecei a gemer feito uma louca e suas estocadas foram se intensificando.

Jake gemia,falava coisas desconexas,chupava o meu pescoço e me deixava cada vez mais louca de desejo por ele.

Até que o orgasmo nos atingiu e ele desabou em cima de mim.

Abri um enorme sorriso,agora sou completamente dele e nada nem absolutamente ninguém pode mudar isso.

Sem comentários: