Dá-nos a tua opinião sobre o filme Amanhecer-Parte 1 AQUI.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Entre Rosas e Espinhos - 19º Capítulo


19º Capítulo

Mesmo minha primeira vez não sendo nada romântica,acabou sendo MARAVILHOSA,por que me entreguei de corpo e alma as mãos de Jacob Black.

Só que acabei tendo de sair do quarto antes de Jake acordar,afinal de contas meu irmão iria aparecer a qualquer momento.

Fui direto para o meu quarto e as meninas me fizeram um interrogatório sem fim.

Tive que contar todos os detalhes e Alice me informou que se bateu com Alec pelos corredores e disse que ele está muito magoado comigo.

Mais afinal de contas,tenho culpa de me apaixonar pelo Jacob?

Não tenho mesmo e nunca iludir ele,nem se quer fiquei com ele,como pode me pedir fidelidade?

M e encontrei com Jake na hora do café da manhã e acabei percebendo que ele está mais apaixonado do que antes por mim.

A primeira aula passou tranqüila,afinal tive prova e fui a primeira a acabar a bendita avaliação de Geografia,então fui verificar se o terceiro ano tinha liberado e para a minha sorte tinha.

Vejo um clima estranho entre Alec e Jacob,ele dizendo que iria me tomar de volta,como se já tivesse sido dele algum dia na minha vida.

Às vezes acho que estava esperando Jacob,para ser de alguém,sou completamente dele e ele é completamente meu.

Jacob me arrastou para o terraço e acabou me mostrando a guerra interna que ele se encontra,ele não sabe se eu o amo,ou se tenho apenas desejo por ele,então mostrei todo o meu amor por ele.

O problema é que estar desse jeito com Jacob Black,faz meu corpo clamar pelo dele,acabei pedindo que me fizesse sua naquele momento,porém ele me disse que de noite iríamos nos ver.

E seu olhar me disse que não iria me arrepender disso.

Então concordei,mesmo subindo pelas paredes que nem uma largatixa alucinada,esse é o estado que me encontro.

Voltamos para perto dos nossos amigos e todos meio que estão percebendo o clima chato que se instaurou no colégio,quer dizer Alec achava que estávamos namorando,mas tipo nem sequer beijei o cara,como estaria namorando com ele?

Tive mais duas aulas,uma de educação física,onde Emmett se exibiu mais do que qualquer coisa e outra de Literatura,quando finalmente,chegou a hora do almoço.

Coloquei inúmeras folhas no meu prato deixando Jake de nariz torcido pela minha alimentação,na verdade ele acha que o meu regime não está com nada.

-Amor para de fazer regime.-Reclamou metendo um pedaço gigantesco de bife na boca.

-Não posso ainda não emagreci o que queria.-Resmunguei.

Ele resmungou palavras completamente sem nexo e continuou almoçando,depois voltamos para a sala de aula,o telefone de Alice toca e ela fica escondidinha falando com alguém no celular,para o meu pai não pegar.

Ela parece preocupada.

O que foi?

Passo o bilhete para ela.

Jacob sumiu,Jasper queria saber se você sabe onde o cara se meteu.

Respirei fundo,onde será que está o meu amor?

Não sei.

Entreguei a resposta a Alice que torceu o nariz e mandou uma mensagem para Jasper,não sei como ela nunca foi pega no flagra pelo meu pai,afinal de contas seu Carlisle enxerga um celular a quilômetros de distancia.

Mas o que está na minha cabeça nesse exato momento é o que Jacob Black está aprontando,eu sei que ele está aprontando,só tem uma pessoa que pode me dar informações e essa pessoa é o EMMETT.

Se sabe onde está o Jacob?

Passo para o ursão e ele se controla para não ri.

Sei,mas não vou contar.

Disse e eu acabei ficando morrendo de raiva do cara,como ele pode me deixar morta de curiosidade assim?

Sai da sala de aula emburrada quando bateu o sinal e danei a procurar o meu amor e NADA.

O cara evaporou.

Acabei desistindo de procurar Jacob e me esbarrei com Alec,que parece triste,sei que não devo me aproximar dele,porém é o certo.

-Alec.-Digo bem na frente dele.

-O que quer Renesmee?-Pergunta magoado.

-Não sei por que fica dessa maneira comigo,nunca tivemos nada.-Falei me sentando ao seu lado,estamos no pátio do colégio,muita gente circulando,então Jake não precisa ter ciúmes disso.

Fico relaxada com esse fato.

-Eu sei mais tinha esperanças com você.-Falou tentando se aproximar de mim.

Só que recuei,me levantando e fitando seus olhos azuis,que brilham toda vez que me vê,só que esses olhos não são os olhos que eu amo.

Os olhos que me fascinam,são escuros.

Negros como a noite,com um olhar penetrante e hipnotizante.

Os olhos do meu amor.

Do meu Jacob.

-Não faz mais isso.-Disse em tom sério,não quero que ele confunda as coisas,mesmo estando ao seu lado,agora não quer dizer absolutamente nada.

-Desculpe.-Disse magoado.-Pensei que se voltasse,teria finalmente a chance de namorar você,de conquistar sua confiança e seu amor.-Disse respirando fundo.-Entendia o fato de não querer se prender a ninguém.-Falou e agora posso ver as lágrimas tentando brotar em seus olhos.-Só que quando chego aqui,Nahuel me conta que está namorando.-Pronto danou a chorar.-Sabe como me senti?-Disse e eu me sento uma miserável por não gostar dele.

-Desculpe Alec.-Falo saindo correndo de lá.

Não sei o que me deu,mas sua dor me deixou transtornada,não o amo,porém gosto dele como amigo,ele era uma das pessoas que mais sentia carinho,até achei que estava apaixonada por ele por um tempo,só que quando Jacob entrou na minha vida.

Todas as minhas certezas viraram pó.

O cara mudou minha vida,mudou meu coração.

Chego em meu quarto e vou direto tomar um banho,frio,não gosto de tomar banho frio,só morno,porém preciso acordar e pensar melhor na minha vida.

E percebi que estava no caminho certo.

Não posso mudar meus sentimentos,por estar machucando alguém,mesmo que esse alguém fosse uma pessoa que gostasse muito.

Ouço alguém bater na porta e vou ver quem é.

Quando abro,vejo um buque de rosas vermelhas e um bilhete,o abro.

Amor,

Me encontrei no antigo teatro da escola.

Na coxia,para ser mais exato.

Tenho uma surpresa para você.

Te amo.

Do seu Jacob.

Terminei de ler o bilhete e apanhei as flores,cheirei as rosas vermelhas e abri um imenso sorriso.

Meu namorado está se saindo melhor que a encomenda.

Troco de roupa e vou para o antigo teatro,me deparo com uma decoração linda e meu amor sorrindo com um buque de rosas vermelhas na mão.

Abro um enorme sorriso.

Sem comentários: