Dá-nos a tua opinião sobre o filme Amanhecer-Parte 1 AQUI.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Entre Rosas e Espinhos - 28º Capítulo


28º Capítulo

Acho que preciso de um psicólogo urgentemente,afinal de contas,quando eu,Jacob Black durmo na casa de uma gata e ainda perco o horário.

Só com a Renesmee mesmo.

Saio correndo para a minha casa e quando chego meu pai fica com uma expressão de raiva da porra.

Acho que ele está pensando,que vou ficar do mesmo modo de antes.

Poderia mais não vou.

Tomo um banho rápido e me visto para a escola,quando estou saindo de casa avisto,Emil,Kim e Claire.

-HEI!-Gritei.

E ela quando se viraram sorriram e caminharam em minha direção.

-O que faz aqui Jacob?-Pergunta Claire.

-Fui expulso.-Disse e elas deram um risinho.

-Novidade,a Nessie te deu um pé na bunda também.-Brincou Kim.

-Não estamos firmes e fortes.-Digo e ela sorri.

-Que bom que tomou jeito.-Disse e eu concordo.

-Ela ta na escola de vocês.-Disse e elas ficaram boquiabertas.

-Ela saio só por que foi expulso?-Pergunta Claire.

-Tem outros motivos também,o motivo da minha expulsão,um cara meio que queria ficar com ela,então eu bati nele.-Falei ajeitando o meu capacete.

Vejo Jared,Quil e Sam se aproximando e fazendo o nosso comprimento.

-O cara voltou.-Disse sorrindo.

-Vai estudar onde?-Pergunta Jared.

-Na escola daqui da reserva mesmo.-Disse rindo.-Foi duro o velho convencer a diretora,mas tudo bem.-Disse montando na moto.-Gente agora eu tenho de ir.-Disse e eles concordaram.

Não preciso dizer que a minha manhã foi um saco,sem nenhum amigo e um monte de guria tentando dar em cima de mim.

Tentei me concentrar,confesso,porém não rolou muito na aula de física,afinal de contas,o materiazinha chata.

Me sentei na hora do almoço com o Collin e o Brade,que acabou me batendo as ultimas de La Push,Embry se chegou e vejo Leah me olhando de lado.

-O que a com ela?-Pergunta Collin.

Ele ainda não conhece o meu amor,é por isso que fica desse jeito,eu acho.

-Achei que ela ficaria feliz em te ver.-Falou Brande.-Achei que ela viria falar com você correndo,como sempre fez.-Disse fazendo um careta.

-Estou namorando.-Disse respirando fundo.

-O QUE?-Gritaram Embry,Collin e Brande.

-Estou namorando.-Repeti.

Esses três são surdos ou o que?

-Não acredito,achei que o Quill tava de sacanagem.-Disse Embry.

-Não ele não tava de sacanagem.-Disse me levantando,afinal o sinal tocou.

Fui para a minha aula e a professora de Biologia,provavelmente,esperava o maior tumulto pela minha simples presença,só que eu não fiz absolutamente nada,a deixando um pouco tranqüila.

Quando fomos liberados,fui correndo para a Forks,mas precisamente para a escola de lá.

Cheguei e fiquei encostado na minha moto,esperando a minha paty de braços cruzados.

Não to fazendo nada para ninguém,porém sou o centro das atenções,todas as garotas me olham e os rapazes também.

Claro com intenções diferentes.

As garotas,meio que arrastei meio mundo nessa escola.

E os caras,foram corneados comigo,então,ai tem a rivalidade.

Quando ela passou pelo portão do colégio e me avistou,me lançou um sorriso tão lindo que eu me desmanchei todo.

Isso ta meio gay,mas tudo bem.

Ela veio em minha direção,me mostrando que é desejada por meio mundo de marmanjos da parada.

Não preciso dizer que não gostei disso,preciso?

-Oi amor.-Disse me dando um selinho demorado.

-O que essas urubuzadas querem junto de você?-Pergunto já puxando para um abraço apertado.

-Ta falando dos meus fãs?-Pergunta rindo.

-Renesmee.-Digo entre os dentes.

-To brincando amor.-Disse sorrindo e tomando os meus lábios de forma doce e apaixonada.

Minhas mãos a puxaram mais para perto a fazendo ficar bem colada comigo,não quero que ela saia daqui nunca,nunquinha mesmo.

Fomos parando o beijo e dei uma olhada para trás,vejo o babaca,do Mike Newton nos olhando boquiaberto.

Eu fiquei com a ex dele,a Jessica antes de ser expulso.

Transei com ela e todo mundo ficou sabendo,não que eu tenha espalhado,é que a vagabunda,que dizia ser virgem,não era nada e acabou dando para mim na escada de incêndio,então alguém viu e contou para o babaca.

-Como foi o dia?-Pergunto passando a mão em seu cabelo.

-Bem,descobri inúmeros fãs e ganhei inúmeros bilhetinhos.-Respirei fundo e ela sorrio para mim.

-Leu eles?-Pergunto já me irritando.

-Não,sabe eu to na turma da Claire,ela que leu.-Disse se aconchegando em meu braço.

-E depois?-Pergunto,tentando me acalmar.

-Ela rasgou.-Disse dando de ombros.-Sabe um tal de Mike,eu acho que esse o nome,ta me enchendo o saco e olha que eu nem tenho um.-Disse rindo.

-Não se aproxima do babaca,eu aprontei com ele.-Disse respirando fundo e me condenando por abrir essa maldita boca.

-Como assim aprontou com ele?-Pergunta já com aquela carinha de mandona e seu lindo biquinho.

-Trazei com a namorada dele na escada de incêndio do colégio e todo mundo sabe.-Falei e ela se afastou.

Nessie está com a respiração acelerada.

-Quantas garotas você já pegou aqui?-Pergunta cruzando os braços.

-Bom quase todas.-Disse e ela respirou fundo.-Ta todas,menos suas amigas.-Disse e ela respirou fundo.

-Todas.-Repetiu entre os dentes.

Não gostei disso,ela sabe da minha vida passada por que ainda fica nisso?

-Nessie,você sabe que eu era um galinha.-Falei e ela respirou fundo.

-É eu sei.-Disse e eu a puxei para um abraço,ela mesmo com ma vontade veio.

Comecei a distribuir beijos em seu rosto e ela sorrio para mim,fui descendo os meus lábios e os tomei.

Num beijo cheio de amor e desejo.

Em menos de vinte e quatro horas a possui e já quero estar absolutamente dentro dela de novo.

Eu to virando ninfomaníaco.

Fui parando o beijo e ela me encara sorrindo,passo os dedos em seus cachos e ela fecha os olhos.

-Eu te amo muito minha patricinha.-Disse e ela abriu um sorriso lindo.

Um sorriso angelical,aqueles de pessoas que não fazem mal nem para uma mosca,se não a conhecesse bem,acharia que ela é desse tipo,porém sei que o meu amor é virado na breca.

-Eu te amo,meu bad boy.-Disse rindo.

Passamos uma tarde incrível juntos,fomos ao penhasco e mostrei o meu lugar favorito para ela.

Na hora da despedida é que foi ruim.

Não sei o que é,mas para mim,nunca o tempo que fico com ela é suficiente,sempre sinto aquela saudade incontrolável e acabo lidando para ela.

Fui na oficina de La Push e pedi um emprego.

E assim começa a minha nova fase.

Responsável.

Tomara que eu consiga andar na linha,pois não quero perder Renesmee.

Sem comentários: