Dá-nos a tua opinião sobre o filme Amanhecer-Parte 1 AQUI.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Entre Rosas e Espinhos - 31º Capítulo


31º Capítulo

Penúltimo Capitulo.

Dois meses se passaram.

Nesse tempo meu amor conseguiu finalmente completar o terceiro ano e entrou por um milagre na faculdade de mecânica em Por Angeles.

Tomou jeito.

Está trabalhando de tarde e o pai dele está elogiando ele e o que me deixa orgulhosa.

Lá trabalha com o Embry,Seth,Sam,Jared e o Quill.

Emmett,Rosálie,Alice e Bella saíram do colégio interno e estão morando em Forks agora,para a minha alegria e a de Edward.

Falando no meu irmão,ele conseguiu passar em medicina,tanto na faculdade de Por Angeles como na de Seattle,porém eu tenho certeza que ele vai optar pela de Por Angeles,afinal Bella está em Forks.

E Bella e Edward são completamente apaixonados um pelo outro.

Jasper passou em matemática em Por Angeles e vai cursar lá,está todo animado com isso.

Estou radiante e ao mesmo tempo estressada.

Fiquei ainda mais amiga das meninas de La Push e acabei unindo minhas amizades antigas com as novas.

Estou cada vez mais nervosa e estourada,me sentindo mal por tudo e acabo afastando meu amor nas horas mais quentes,por que as vezes fico enjoada com tudo,com seu perfume principalmente.

O que faz ele se sentir rejeitado.

Marcamos para sair só que não consigo arrumar nenhuma roupa que de em mim,não é exagero não.

ENGORDEI QUASE QUATRO QUILOS NESSES ULTIMOS MESES.

E não estou comendo quase nada.

Às vezes acho que sei o que está acontecendo comigo,mas depois acho impossível,afinal sempre usamos camisinha em todas as nossas vezes.

Quando finalmente achei alguma coisa que me caiba sai de casa e encontrei com ele lindo como sempre,só que acabei estourando de novo e ele brigou comigo.

Insinuou que não o amava e que não tinha coragem de terminar comigo e etc.

Saio de moto completamente desembestado,como se estivesse fugindo a forca,me ajoelhei no asfalto e comecei a chorar alto,de soluçar.

Ele não pode sumir da minha vida.

Não quando ele é a minha vida.

Liguei diversas vezes para o seu telefone e nada.

Quando finalmente atendeu,já estava completamente desesperada e querendo a sua presença de qualquer jeito e ele veio.

Cai em seus braços e ele me perguntou a coisa mais obvia do mundo o que estava acontecendo comigo.

Então resolvi que iria descobri,hoje ainda.

-Amor por favor me diz a verdade,o que você tem?-Pergunta Jake novamente.

-Não sei mais eu vou descobri.-Digo e meu telefone toca.

É Bella.

Me afasto e atendo o telefone.

-Oi amiga.-Tento ser simpática.

-Renesmee,por favor vêem aqui em casa.-Disse chorando muito.

-O que foi?-Pergunto.

-Só vêem para cá.-Disse completamente desesperada.

-Ta to indo.-Digo desligando o telefone e me viro para Jake.-Me leva na casa da Bella,é urgente.-Disse e ele concordou com um aceno de cabeça.

Montamos em sua moto e ele nos levou correndo para a casa de Bella,quando chegamos lá,Jake parece pensativo.

-Você não quer terminar mesmo comigo,não é?-Pergunta.

-Não.-Disse sorrindo.

Dei um selinho nele e fui na direção da casa de Bella.

-Quando acabar ai me liga.-Disse Jake e eu me voltei para ele concordando com o que ele acabou de falar.

Jake saio correndo de moto,enquanto toquei a campainha da casa dos Swans,a mãe de Bella atendeu sorridente como sempre.

-Olá a Bella está?-Pergunto e ela diz que sim com o rosto.

-No quarto.-Disse e eu entrei na casa,depois que ela me deu a passagem.-Pode subir.-Disse educada como sempre.

E assim o faço,vou subindo e quando estou prestes a bater na porta de Bella,a mesma aparece e me puxa de uma só vez para dentro do seu quarto.

Quase tomo uma queda linda com a atitude.

Avisto um monte de testes de gravidez em cima da cama e arregalo os olhos,ela está com o mesmo problema que eu?

-Você também?-Pergunto apontando.

-Você também acha?-Pergunta nervosa e eu digo que sim com o rosto.

Bella arregala os olhos e me da um litro de refrigerante.

-Bebe que agente faz o teste.-Disse nervosa.

-Claro,claro.-Falo igual ao meu amor.

Começamos a beber o refrigerante e ela coloca uma musica básica,uma das musicas que ela mais gosta,Codinome Beija Flor.

Pra que mentir
Fingir que perdoou
Tentar ficar amigos sem rancor
A emoção acabou
Que coincidência é o amor
A nossa música nunca mais tocou...

Cada gole que eu tomo,meu coração dispara ainda mais.

Pra que usar de tanta educação
Pra destilar terceiras intenções
Desperdiçando o meu mel
Devagarzinho, flor em flor
Entre os meus inimigos, beija-flor

Não sei o que faço.

Será mesmo que posso estar grávida?

Eu protegi o teu nome por amor
Em um codinome, Beija-flor
Não responda nunca, meu amor
Pra qualquer um na rua, Beija-flor

Que vou ter um filho de Jake?

Que só eu que podia
Dentro da tua orelha fria
Dizer segredos de liquidificador

Olho para os olhos cor de chocolate de Bella e as mesma incertezas que eu tenho,ela também tem.

Você sonhava acordada
Um jeito de não sentir dor
Prendia o choro e aguava o bom do amor
Prendia o choro e aguava o bom do amor

Tomei quase meio litro de refrigerante e logo fiquei com vontade de fazer xixi,fui ao banheiro com um teste e me tranquei nele.

Tive que fazer,praticamente,um malabarismo para conseguir acertar aquele troço,mas consegui.

Deixei na bancada e fiquei andando de um lado para o outro esperando que aquele bendito exame desse o resultado.

Lembro do nosso segundo beijo,afinal o primeiro estava quase totalmente inconsciente.

-DEIXA PARA LÁ EU ODIEI BEIJAR VOCÊ MESMO.-Disse indo direto para a minha porta e a batendo com violência.

-EU TAMBÉM NÃO!-Gritei de volta,querendo me convencer disso.-Que mentirosa Renesmee Culle,você amou.-Sussurrei,foi ai que a porta se abriu novamente e ele entrou me puxando para um outro beijo.

Seus lábios macios e quentes beijavam os meus com ferocidade,me deixando completamente sem fôlego,suas mãos me apertavam contra seu corpo,como se me quisesse ali para sempre.

Sua língua passeava em minha boca,explorando cada canto,como se aquele fosse o nosso ultimo beijo.

Dali em diante ele sempre esteve ao meu lado,mesmo brigando feito cão e gata.

Respiro fundo e pego o teste sem olhar o resultado.

-É agora ou nunca Renesmee.-Digo virando o teste e abrindo a boca no mesmo instante.

EU NÃO ACREDITO NISSO!

Sem comentários: